quarta-feira, 30 de setembro de 2009

Aniversário



Não são as rugas que nos fazem velhos
Nem o tempo que faz envelhecer.
A alma não se marca nos espelhos
Nem é feto de rugas o morrer.

Não se é velho enquanto por abrir
Rosas-desejos cada um tiver!
Enquanto houver promessas por cumprir
Ou nos lábios palavras por dizer.

Não é ser velho o ter passado os dias
Se pensarmos nos dias por passar.
Ser velho - é não ter mais alegrias
E nem sequer a esperança de as achar.

A alma não se marca nos espelhos
Nem é feito de rugas o morrer!
- Não são as rugas que nos fazem velhos,
Nem o tempo quem faz envelhecer!

Jorge Vila