Ocorreu um erro neste dispositivo

domingo, 3 de fevereiro de 2013

O brinco...


O brinco da tua orelha
Sempre se vai meneando,
Gostava de dar um beijo
Onde o teu brinco os vai dando.
[...] 
O que eu sofro, quando o vejo
Sempre airoso meneando!
Dava tudo por um beijo
Onde o teu brinco os vai dando.

António Botto, in Canções