Ocorreu um erro neste dispositivo

domingo, 2 de junho de 2013

Desolação....


«Quinta, 8 de Outubro

Sinto a desolação horrível, trágica, de quem já não pode iludir-se com nada e encontra em quanto existe a infinita miséria. E sinto a verdade d' aquelas palavras que às vezes digo como uma síntese do meu estado de espírito:
  - Sofro da horrível desgraça do homem que olha para a vida e sente que já não pode ser enganado...»

Manuel Laranjeira, in Diário Íntimo -1908-1909