quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

Filhos da guerra



Os filhos da guerra
são os orfãos da morte
que o poder encerra.
Há fome nos rostos esquálidos
que a dor consome
e torna inválidos.
E cava uma infinita dor,
bem fundo,
aqui, dentro de mim.

Sophia Guiomar, Poemetos,[2009-04-19]